Assim que comprei a minha primeira DSLR (Uma Canon Rebel, com a única lente que eu tinha, a lente do kit), marquei umas fotos com a única pessoa que toparia estar às 06:00h da manhã no local marcado, para não perdermos a boa luz da manhã: suave, rosada, delicada. Tudo pela arte! Às 06h00 da manhã lá estava este ser humano me esperando na catraca do metrô Bresser, que era perto de onde morava. Em homenagem à nossa amizade, às histórias que só tenho quando ela está junto, às parcerias de projetos, de sonhos e de angústias, esse é um revival daquele ensaio.

Assim como a simplicidade de uma época que tanto me traz saudades, em que eu morava na região central de São Paulo, foi o ensaio que fiz com menos experiência e menos recursos (depois comprei outras lentes e outras câmeras), mas foi também o que eu mais gostei.

Anterior

Deixe o seu recado!

voltar ao topo